quarta-feira, junho 12, 2024
More
    HomeSociedadeMundoGrãos: Portos movimentam mais de 51 milhões de toneladas

    Grãos: Portos movimentam mais de 51 milhões de toneladas

    Publicado em

    spot_img

    Os números representam aumento superior a 22% em comparação com os indicadores de 2022 e evidenciam o potencial de crescimento da atividade nos próximos anos

    Em 2023, os portos da Amazônia impulsionaram as exportações brasileiras de grãos, atingindo mais de 51 milhões de toneladas, revela a Associação dos Terminais Portuários e Estações de Transbordo de Cargas da Bacia Amazônica (AMPORT). Esse marco representa um crescimento de aproximadamente 22% em comparação com as 41,5 milhões de toneladas movimentadas em 2022 pelo Arco Amazônico.

    O presidente da AMPORT, Flávio Acatauassú, destaca que esse aumento alcança a meta estabelecida pela entidade, mesmo em meio a desafios como a severa seca na região norte e outras consequências da crise climática enfrentadas no Brasil. Ele ressalta que, em operações de longo curso, a região respondeu por 37% do total de granéis agrícolas exportados pelos portos brasileiros, superando os 34% registrados em 2022.

    Os avanços observados indicam o notável potencial da região, enfatizando a importância dos investimentos na atividade portuária amazônica. Flávio ressalta que há planos para expandir a capacidade de embarque para mais de 58 milhões de toneladas de grãos anualmente nos portos de Itacoatiara, Santarém, Santana, Barcarena e Tegram. Projetos em andamento visam adicionar mais 42 milhões de toneladas nos próximos seis anos, alinhados com a crescente demanda do mercado e a possibilidade de crescimento estratégico e sustentável.

    O presidente da AMPORT destaca o papel crucial do Arco Amazônico, com o estado do Pará, em particular Barcarena, se destacando no setor portuário e transporte de grãos devido à infraestrutura desenvolvida e localização estratégica. O complexo portuário de Barcarena, situado na Região Metropolitana de Belém (RMB), desempenha um papel fundamental nas operações de embarcações, aproveitando as maiores profundidades de saída para o mar, facilitando volumes de embarque elevados e otimizando a logística portuária. A AMPORT, reunindo 13 empresas de granéis vegetais, minerais e líquidos na região amazônica, contribui para fortalecer a cadeia logística e a infraestrutura do Arco Norte.

    Com informações da FSB Comunicação – Assessoria de Imprensa | Amport*

    Últimos Artigos

    5 Locais que devem fazer parte do seu roteiro ao visitar Parintins no festival

    Primeira vez indo para Parintins, curtir o maior espetáculo a céu aberto do mundo?...

    Wilson Lima toma posse na Executiva Nacional do União Brasil

    Evento marca fortalecimento da presença regional na política nacional Na noite de terça-feira (11), o...

    Governo federal anula leilão e cancela compra de arroz importado

    O governo federal decidiu anular o leilão realizado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab)...

    Aleam aprova moção de reconhecimento do feminicídio de Julieta Hernández

    A Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM) aprovou uma moção de apelo para que o...

    Mais artigos como este

    5 Locais que devem fazer parte do seu roteiro ao visitar Parintins no festival

    Primeira vez indo para Parintins, curtir o maior espetáculo a céu aberto do mundo?...

    Wilson Lima toma posse na Executiva Nacional do União Brasil

    Evento marca fortalecimento da presença regional na política nacional Na noite de terça-feira (11), o...

    Governo federal anula leilão e cancela compra de arroz importado

    O governo federal decidiu anular o leilão realizado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab)...