sábado, junho 15, 2024
More
    HomeSociedadeAmazonasUFSCar lança jogo de linguagem baseado na cultura Maraguá

    UFSCar lança jogo de linguagem baseado na cultura Maraguá

    Publicado em

    spot_img

    O Laboratório de Pesquisa Linguagens em Tradução (Leetra) da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) anunciou recentemente o lançamento do jogo digital “Kawã na Terra dos Indígenas Maraguá”. Desenvolvido com o propósito de subsidiar práticas de alfabetização e letramento interdisciplinares, o jogo é direcionado a alunos e professores de escolas de educação infantil e ensino fundamental I.

    Trabalhos sobre cultura indígena do Leetra

    Este é o terceiro projeto do Leetra voltado para a criação de jogos digitais com temáticas indígenas, sendo precedido por “Jeriguigui” e “Jaguar na Terra dos Bororos”. O laboratório, liderado pela pesquisadora Maria Silvia Cintra Martins, professora sênior do Departamento de Letras da UFSCar, recebe apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp).

    O foco do Leetra é a pesquisa e o estudo de línguas e literaturas indígenas, além do letramento e comunicação interculturais. Maria Silvia explica que a escolha das temáticas indígena e ambiental se deve ao fato de serem assuntos cativantes para as crianças, bem como ao cumprimento da Lei 11.648/08, que prevê o trabalho com as culturas indígenas e afro-brasileiras em todo o território nacional.

    “A maioria dos professores reclamava que não tinha material para trabalhar com essas temáticas”, destaca a pesquisadora, acrescentando que a crescente presença de jogos na educação e seu potencial para impulsionar o processo de ensino e aprendizagem também foram considerados na escolha.

    Parcerias

    Maria Silvia explicou que está buscando parcerias com secretarias de Educação e que, atualmente, trabalha em uma escola estadual com uma professora parceira interessada na temática indígena:

    “Foram feitos vários encontros com as crianças no laboratório de informática da escola, com vistas a que, primeiro, as crianças apenas joguem e se divirtam. Depois voltamos a partes dos jogos que têm vários diálogos e exploramos alguns termos pontuais com vistas à alfabetização e letramento”, explicou.

    Após jogar, as crianças mostram interesse em realizar pesquisas online sobre os povos Bororo (do jogo anterior) e Maraguá, alcançando assim a meta da interdisciplinaridade, envolvendo questões de ciências, história e geografia.

    Kawã na Terra dos Indígenas Maraguá

    O jogo “Kawã na Terra dos Indígenas Maraguá” proporciona a crianças em idade escolar a experiência de elementos culturais típicos da cultura tradicional maraguá, assim como aspectos das histórias de assombração e da luta política desses indígenas em defesa de suas terras. Os Maraguá, que habitam o Baixo Amazonas, são divididos em seis clãs, com o personagem principal do jogo, Kawã, pertencendo ao Clã do Gavião.

    A pesquisa para a criação do jogo teve como inspiração o livro “Aventuras do Menino Kawã”, do escritor maraguá Elias Yaguakãg. Maria Silvia explica que seu objetivo não era só adaptar o livro:

    “O que eu buscava não era adaptar um livro para o formato de um jogo, simplesmente. Por isso, sendo professora e pesquisadora do Departamento de Letras e do PPGL/UFSCar, iniciei pesquisa bibliográfica em torno do povo Maraguá, de sua localização, sua cultura, assim como consultei outros livros de escritores indígenas Maraguá”

    O jogo ‘Kawã na Terra dos Indígenas Maraguá’ está disponível para acesso aqui.

     

    Últimos Artigos

    Em Coari, Wilson Lima entrega oito escolas reformadas

    As entregas visam contribuir com a melhoria da qualidade de vida da população O governador...

    Sangue: até março, foram realizadas mais de 15 mil doações em AM

    Em 2023, 1,6% da população brasileira doou sangue no SUS, com mais de 3,2...

    Rede Globo não transmitirá Festival de Parintins

    A TV Acrítica, parte da Rede Calderaro, possui esses direitos exclusivos e uma quebra...

    Governo do Amazonas entrega 400 mil sementes de cacau

    Do total de cidades beneficiadas, 12 já receberam a primeira remessa do produto O Governo...

    Mais artigos como este

    Em Coari, Wilson Lima entrega oito escolas reformadas

    As entregas visam contribuir com a melhoria da qualidade de vida da população O governador...

    Sangue: até março, foram realizadas mais de 15 mil doações em AM

    Em 2023, 1,6% da população brasileira doou sangue no SUS, com mais de 3,2...

    Rede Globo não transmitirá Festival de Parintins

    A TV Acrítica, parte da Rede Calderaro, possui esses direitos exclusivos e uma quebra...