sábado, junho 15, 2024
More
    HomeCotidianoCom rendimento 2x maior que gasolina, GNV bate recorde de vendas

    Com rendimento 2x maior que gasolina, GNV bate recorde de vendas

    Publicado em

    spot_img

    Com o valor de R$ 4,39 o metro cúbico, o combustível gasoso também é menos prejudicial ao meio ambiente

    Vendido no estado pela Companhia de Gás do Amazonas (Cigás), o Gás Natural Veicular (GNV) tem poder calorífico maior e chega a render quase o dobro da gasolina, combustível que vem sofrendo escalada nos preços em todo o país. Em março deste ano, o GNV bateu recorde mensal com a comercialização de mais de 25 mil metros cúbicos por dia nos postos autorizados em Manaus.

    Nas unidades de abastecimento pelo valor de R$ 4,39 o metro cúbico (m³), o GNV é cerca de R$ 2,80 mais econômico, por quilometragem, que a gasolina, segundo cálculos da Cigás. A economia mensal chega a R$ 1.031,40 a cada 100 quilômetros por dia (km/dia) em relação à gasolina e a R$ 1.212,70 em relação ao etanol.

    O diretor comercial da Cigás, Clóvis Correia, ressalta a importância do gás para motoristas, principalmente, aqueles que utilizam o veículo como instrumento de trabalho.

    “O GNV é um importante aliado, principalmente, daqueles usuários que têm no veículo o seu meio de trabalho. A principal vantagem dele em relação aos combustíveis líquidos é exatamente a sua economia, a sua competitividade”, ressaltou.

    Além da economia com o combustível em si, ser um profissional que utiliza veículos urbanos também garante um desconto importante na implementação da tecnologia. Em parceria com o Governo do Amazonas, a Cigás oferece para os profissionais uma bonificação de R$ 4 mil para quem aderir ao programa “Faça a Conta”.

    Uma das beneficiadas na campanha foi a motorista de aplicativo Kátia Júlio, que depois de converter seu carro de gasolina para gás natural não cogita mais retornar o uso do combustível líquido.

    “Hoje, gasto praticamente a metade do que gastava antes com gasolina, e roda muito mais. Com relação a retornar à gasolina eu confesso que nunca mais, enquanto eu tiver o GNV à um preço que seja de fato rentável, quando você compara com o etanol ou com a gasolina”, afirmou.

    Conversão – Os motoristas que quiserem realizar a conversão de gasolina para GNV devem solicitar autorização do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM). Veículos não regularizados são passíveis de multa e remoção pelo órgão estadual. Para mais informações ligue para (92) 3643-0000.

    Faça a Conta – Motoristas profissionais que quiserem aderir ao Programa Faça a Conta têm até o dia 16 de setembro para participar da campanha ou até durar o número de benefícios. A bonificação representa 67% do valor investido na conversão. Acesse o site da campanha (Home | USE GNV)

    Leia mais:
    Consumo de Gás Natural Veicular volta a subir pelo sétimo mês consecutivo
    Em reunião com Ministério de Minas e Energia, Wilson destaca avanços da produção de gás natural
    Em inauguração de usina, Wilson destaca avanços no mercado de gás

    Últimos Artigos

    Em Coari, Wilson Lima entrega oito escolas reformadas

    As entregas visam contribuir com a melhoria da qualidade de vida da população O governador...

    Sangue: até março, foram realizadas mais de 15 mil doações em AM

    Em 2023, 1,6% da população brasileira doou sangue no SUS, com mais de 3,2...

    Rede Globo não transmitirá Festival de Parintins

    A TV Acrítica, parte da Rede Calderaro, possui esses direitos exclusivos e uma quebra...

    Governo do Amazonas entrega 400 mil sementes de cacau

    Do total de cidades beneficiadas, 12 já receberam a primeira remessa do produto O Governo...

    Mais artigos como este

    Em Coari, Wilson Lima entrega oito escolas reformadas

    As entregas visam contribuir com a melhoria da qualidade de vida da população O governador...

    Sangue: até março, foram realizadas mais de 15 mil doações em AM

    Em 2023, 1,6% da população brasileira doou sangue no SUS, com mais de 3,2...

    Rede Globo não transmitirá Festival de Parintins

    A TV Acrítica, parte da Rede Calderaro, possui esses direitos exclusivos e uma quebra...