quarta-feira, junho 12, 2024
More
    HomeCotidianoAM vai assumir abastecimento de água em São Gabriel da Cachoeira

    AM vai assumir abastecimento de água em São Gabriel da Cachoeira

    Publicado em

    spot_img

    O governador do Amazonas, Wilson Lima, assinou um Termo de Cooperação Técnica que formaliza parceria entre a Companhia de Saneamento do Amazonas (Cosama) e a Prefeitura de São Gabriel da Cachoeira (a 850 quilômetros de Manaus) para análise do sistema de abastecimento de água do município.

    “Essa ação viabiliza o projeto de melhoria da rede de abastecimento de água para que a Cosama, futuramente, assuma o serviço de abastecimento. Vamos garantir água de qualidade, potável, nas torneiras de quem vive em São Gabriel da Cachoeira. Assim, nós estamos promovendo saúde pública no município”, disse o governador.

    A assinatura do termo aconteceu durante evento realizado em frente à sede da prefeitura e contou com a participação do diretor-presidente da Cosama, Armando do Valle, e do prefeito do município localizado no Alto Rio Negro, Clóvis Curubão.

    O novo sistema de abastecimento de água de São Gabriel da Cachoeira contará com um investimento anual de R$ 6.915.897,57 e deverá beneficiar 9.646,46 unidades consumidoras no perímetro urbano. A parceria gerará ainda uma economia de R$ 960.000,00 ao município.

    De acordo com Armando do Valle, esse Termo de Cooperação Técnica vai fazer com que o Governo do Estado, por meio da Cosama, assuma a distribuição de água no município, o que deve ser iniciado em um período de 12 meses.

    “Mostra a preocupação que o governador tem com a população, principalmente as pessoas mais carentes aqui no município. Nós vamos fazer e entregar uma água de qualidade, tratada e controlada, coisa que não fazem aqui há 20 anos”, explica do Valle. Segundo ele, o município será mais um a ser atendido pela Cosama, levando saneamento básico de qualidade a quem mais precisa.

    Atualmente, estão sendo atendidos pela Cosama os municípios de Alvarães, Atalaia do Norte, Autazes, Benjamin Constant, Carauari, Careiro da Várzea, Codajás, Eirunepé, Itamarati, Juruá, Manaquiri, São Paulo de Olivença, Tabatinga e Nova Olinda do Norte e a previsão é de que, até o próximo ano, mais 20 municípios passem a contar com os serviços da companhia.

    Leia mais:
    Primeiro bairro indígena de Manaus tem terá água tratada
    Projeto quer levar energia solar e água potável à indígenas
    ALEAM aprova multa para cortes de luz e água na pandemia

    Últimos Artigos

    Governo federal anula leilão e cancela compra de arroz importado

    O governo federal decidiu anular o leilão realizado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab)...

    Aleam aprova moção de reconhecimento do feminicídio de Julieta Hernández

    A Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM) aprovou uma moção de apelo para que o...

    Entenda a importância do “vazio sanitário” da soja no Amazonas

    Entre os dias 10 de junho e 10 de setembro de 2024, o cultivo...

    Lotes no ‘Nova Manaus’ custarão R$500; veja como se inscrever

    O Programa de Alienação de Lotes Urbanos Públicos, da Prefeitura de Manaus, oferecerá lotes...

    Mais artigos como este

    Governo federal anula leilão e cancela compra de arroz importado

    O governo federal decidiu anular o leilão realizado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab)...

    Aleam aprova moção de reconhecimento do feminicídio de Julieta Hernández

    A Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM) aprovou uma moção de apelo para que o...

    Entenda a importância do “vazio sanitário” da soja no Amazonas

    Entre os dias 10 de junho e 10 de setembro de 2024, o cultivo...