sexta-feira, abril 19, 2024
More
    HomeSociedadeAmazonasEscolas estaduais são reabastecidas em 1,2 toneladas de merenda

    Escolas estaduais são reabastecidas em 1,2 toneladas de merenda

    Publicado em

    spot_img

    Foi iniciada a distribuição da terceira remessa de itens alimentícios para compor a merenda escolar do ano letivo 2019. A Secretaria de Estado de Educação (Seduc-AM) vai enviar cerca de 1,2 mil toneladas de alimentos para as escolas estaduais dos 62 municípios do estado, segundo o secretário de Estado de Educação, Luiz Castro.

    Na última sexta-feira (21), Luiz Castro esteve na Central de Distribuição da Seduc-AM, onde acompanhou o embarque e organização para distribuição dos alimentos com a deputada estadual e presidente da Comissão Especial de Educação da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), Therezinha Ruiz.

    Segundo o secretário Luiz Castro, o envio adiantado é uma estratégia logística da Seduc-AM, que já mantém a Central abastecida com 80% dos 39 itens que compõem a alimentação escolar. “Quando nós assumimos, os depósitos estavam pouco abastecidos. Tinha apenas 20% do que deveria ter. Fizemos uma força-tarefa, que inclui principalmente cobrar aos fornecedores aquilo que ficou acertado por contrato”, explicou à deputada.

    Além de Manaus e dos municípios do entorno, a distribuição inclui as cidades localizadas nas oito calhas de rios do Amazonas. “Estamos testando uma nova forma de distribuição, que tem como objetivo diminuir a demora. Vamos aguardar os resultados para avaliar se houve melhora”, destacou Luiz Castro.

    O trabalho é realizado pelo Departamento de Logística (Delog). As calhas do Purus e Juruá são as que têm os municípios mais distantes, podendo a viagem durar até 50 dias. As escolas de maior distância recebem recursos para fazer a compra direta dos itens em caso de atraso segundo o secretário adjunto executivo de Gestão da Seduc-AM,  Rômulo Zurra. “Nossa meta é reduzir ao máximo o atraso, por isso já iniciamos o envio e estamos fazendo testes. Existem fatores externos que podem atrapalhar e estamos levando isso em consideração”, afirmou.

    Comissão de Educação

    Para a deputada Therezinha Ruiz, que foi convidada pelo secretário Luiz Castro a fiscalizar e acompanhar o trabalho na Central de Distribuição, as melhorias no serviço são importantes para a rede pública estadual. “Enquanto presidente da Comissão de Educação, fico satisfeita com o que vi. As portas estão abertas para nós fazermos nosso trabalho de fiscalizar e o trabalho está sendo feito”, afirmou.

    Therezinha afirmou que pretende retornar até a Central com o objetivo de acompanhar o trabalho mais de perto. “Nós queremos conhecer tudo o que está sendo feito pela secretaria para melhorar a qualidade do ensino. Nós sabemos que a merenda é fundamental para os estudantes, que muitas vezes só fazem a refeição que é dada na escola”, ressaltou a deputada.

    Últimos Artigos

    Manaus amplia vacinação contra Dengue

    A partir de sexta-feira (19), a Prefeitura de Manaus expande temporariamente a campanha de...

    Cantora do Caprichoso sofre agressão e intolerância religiosa

    A cantora do boi Caprichoso, Mara Lima, relatou ter sido agredida por um homem...

    Petrobras: Resistência indígena na perfuração da Foz do AM

    A Petrobras enfrenta crescente resistência de grupos indígenas e agências governamentais em seu plano...

    AM investirá R$ 1 Bilhão em Ciência e Tecnologia até 2026

    O governador Wilson Lima anunciou que o Governo do Amazonas planeja investir R$ 1...

    Mais artigos como este

    Manaus amplia vacinação contra Dengue

    A partir de sexta-feira (19), a Prefeitura de Manaus expande temporariamente a campanha de...

    Cantora do Caprichoso sofre agressão e intolerância religiosa

    A cantora do boi Caprichoso, Mara Lima, relatou ter sido agredida por um homem...

    Petrobras: Resistência indígena na perfuração da Foz do AM

    A Petrobras enfrenta crescente resistência de grupos indígenas e agências governamentais em seu plano...