quinta-feira, junho 13, 2024
More
    HomeCotidianoNovo clipe de Victor Xamã aborda reflexões sobre floresta e vida urbana

    Novo clipe de Victor Xamã aborda reflexões sobre floresta e vida urbana

    Publicado em

    spot_img

    Se 2019 for mesmo o ano da colheita, como vem apontando astrólogos e tarólogos, o cenário artístico autoral de Manaus deve viver uma dessas viradas, até porque como Victor Xamã diz em uma de suas letras: Tudo aqui germina.

    O artista lançou na última sexta (22) seu mais novo clipe “Verde Esmeralda & Cinza Granito”, que em três dias já ultrapassou o número de 10 mil visualizações. O vídeo é mais uma das parcerias com a artista audiovisual Isa Hansen, de São Paulo. A música fala sobre o contraste entre o ambiente urbano e a floresta, característica ilustrada de maneira muito cuidadosa na composição do vídeo e da música.

    “A dualidade existe nem somente pelo fato de ser um clipe colaborativo entre São Paulo e Manaus, também pelo fato de aqui em Manaus essa dualidade também estar presente nos bairros em nossa volta, ela acompanha a gente de acordo com nosso crescimento”, destaca Xamã.

    Créditos: Isa Hansen

    Incomodado com a forma caricata como retratam a região Norte, o rapper manauara considera que a arte da Amazônia vem sendo exportada de maneira equivocada.

    “Somos uma metrópole como todas as outras, tem seus problemas de acordo com isso, ao mesmo tempo é muito bom trazer a visão da Isa porque ela consegue interpretar muito bem meu som através da arte dela”.

    Para Isa, um dos fatores para esse elo entre os trabalhos se dá pela sua própria história de vida. “Sou do interior de São Paulo, Agudos, uma cidade com 40 mil habitantes, o interior é muito diferente da capital mesmo que tenha muitos privilégios por estar perto dela. Acho que eu entendo muito a questão da invisibilidade”, pontua a artista.

    A artista paulistana também relata os desafios de ser mulher no audiovisual, o boicote consciente ou não que existe através da subestimação do trabalho feminino, além também da sexualização e a imagem pessoal e beleza vindo antes das qualidades profissionais.

    “Muitas pessoas duvidam que sou eu que faço os vídeos do Xamã (…) Elas acham que você tá brincando de fazer aquilo. Quando você acha um artista que te respeita como mulher e pessoa é ótimo. Eu pretendo construir muitas coisas com o Xamã”.

    CONCEITO AUDIOVISUAL

    As cenas do clipe gravadas em Manaus foram feitas em drone pelo fotógrafo Matheus Paixão, do Candela Mídia e as cenas gravadas em São Paulo assim como a edição e colorização do clipe também são assinadas pela Isa Hansen, do selo Yoni. Num grande colaboração Manaus-São Paulo também foram utilizadas imagens do fotógrafo Rogério Soares que integra o coletivo Jodo.

    “Na construção da identidade do clipe busquei trazer a ideia da música misturando as linguagens… É uma dualidade complementar: verde esmeralda e cinza granito. Usei de recortes manuais e digitais, granulado e pixelado, drone com imagens de celular, fotografias e uma colorização que selou e concretizou essa leitura autentica do visual”, detalhou Isa.

    “Talvez a novidade seja pra cena, talvez seja as minas do underground fazendo algo fino, sendo cada vez mais vistas e aprendendo a trabalhar melhor. Sem perder sua essência, fazendo tudo cada vez mais bem pensado e executado, mostrando que conceito e criatividade não se compram”, finaliza Isa que também assina com a Jodo a direção, imagens e edição dos clipes Hey Joe (2018) e Sonho Lúcido (2018).

    AGENDA

    O artista também integra o grupo Qua$imorto que se apresenta no próximo dia 3 no Festival Tepequém Jazz & Blues, o evento acontece no Morro do Tepequém durante o período do carnaval e mistura a conexão da natureza com uma sonoridade especial.

    “O João Victor, Fernando Vários e o Luiz Fellipe Caqui [do grupo Qua$imorto] já tiveram contato com o festival e conversaram com o dono, que ouviu a música, gostou e convidou a gente pra participar dessa edição nesse lugar lindo e totalmente paradisíaco”, conta Xamã que mesmo receoso com a situação de conflito na fronteira não esconde a positividade e energia em fazer com o grupo o melhor show que puderem.

    RECONHECIMENTO

    As novidades na carreira do cantor amazonense não param por aí. Na última segunda-feira (25) o cantor Froid publicou em sua conta no Instagram um vídeo onde ele toca e canta a música “Bússola Quebrada”, de Victor Xamã. O vídeo já ultrapassou a marca de 90 mil visualizações.

    O primeiro grupo de rap de Victor, P8 Crew, surgiu em Manaus na mesma época em que surgia Um Barril de Rap, extinto grupo de rap de Brasília do qual Froid fazia parte. “Já tive oportunidade de colaborar no antigo grupo dele, já nos conhecemos pessoalmente e fico muito feliz que ele goste, escute minha música e acredite no potencial dela” conta Victor, que pretende ainda no primeiro semestre lançar o novo disco de seu grupo, o Qua$imorto e começar a trabalhar em um novo disco solo também.

     

     

    Últimos Artigos

    5 Locais que devem fazer parte do seu roteiro ao visitar Parintins no festival

    Primeira vez indo para Parintins, curtir o maior espetáculo a céu aberto do mundo?...

    Wilson Lima toma posse na Executiva Nacional do União Brasil

    Evento marca fortalecimento da presença regional na política nacional Na noite de terça-feira (11), o...

    Governo federal anula leilão e cancela compra de arroz importado

    O governo federal decidiu anular o leilão realizado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab)...

    Aleam aprova moção de reconhecimento do feminicídio de Julieta Hernández

    A Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM) aprovou uma moção de apelo para que o...

    Mais artigos como este

    5 Locais que devem fazer parte do seu roteiro ao visitar Parintins no festival

    Primeira vez indo para Parintins, curtir o maior espetáculo a céu aberto do mundo?...

    Wilson Lima toma posse na Executiva Nacional do União Brasil

    Evento marca fortalecimento da presença regional na política nacional Na noite de terça-feira (11), o...

    Governo federal anula leilão e cancela compra de arroz importado

    O governo federal decidiu anular o leilão realizado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab)...