sexta-feira, abril 12, 2024
More
    HomeDestaquesSecretário de Trump sugere empréstimo aos servidores que estão sem receber

    Secretário de Trump sugere empréstimo aos servidores que estão sem receber

    Publicado em

    spot_img

    A paralisação do governo dos Estados Unidos já dura 35 dias e tem deixado 800 mil funcionários públicos sem receber seus salários. A recomendação do governo foi de que os servidores façam empréstimos.

    O secretário de comércio de Trump, Wilbur Ross, concedeu entrevista à rede de TV CNBC e fez a polêmica declaração. Completou ainda, dizendo que não saber porque alguns dos servidores estão recorrendo a restaurantes populares ou bandejões.

    O atraso dos salários nos EUA é ainda mais preocupante porque, lá, os servidores públicos recebem pagamentos semanais ou quinzenais e, com o atraso provocado pela paralisia mais longa já registrada no governo americano, ficaram pelo menos sem dois pagamentos.

    Últimos Artigos

    Aplicativo monitora prédios e imóveis históricos do Centro

    Os primeiros testes com o uso do aplicativo ArcGIS Field Maps, feitos por equipes...

    Programas pioneiros e mãos e obras, veja lista:

    A concessionária Águas de Manaus divulgou a lista dos 90 selecionados para os programas...

    Concurso Unificado: Informações sobre o local das provas

    A ministra da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos (MGI), Esther Dweck, anunciou...

    Lula vai vetar proibição de visitas familiares a presos

    Durante entrevista à imprensa no Palácio do Planalto, o ministro da Justiça e Segurança...

    Mais artigos como este

    Aplicativo monitora prédios e imóveis históricos do Centro

    Os primeiros testes com o uso do aplicativo ArcGIS Field Maps, feitos por equipes...

    Programas pioneiros e mãos e obras, veja lista:

    A concessionária Águas de Manaus divulgou a lista dos 90 selecionados para os programas...

    Concurso Unificado: Informações sobre o local das provas

    A ministra da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos (MGI), Esther Dweck, anunciou...