Justiça quer saber se liga presta contas de dinheiro público

0
30
Juiz solicitou ao TCE-AM informações sobre a prestação de contas da Liga Independente dos Grupos Folclóricos de Manaus.
Festival Folclórico do Amazonas é um dos mais tradicionais do Estado (Foto: Antônio Pereira/Semcom)

O juiz Rogerio José da Costa Vieira, da Comarca de Manaus, solicitou ao Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM) informações sobre a prestação de contas da Liga Independente dos Grupos Folclóricos de Manaus.

O Ministério Público do Amazonas alega que a entidade, que recebeu R$ 4,4 milhões do estado e município entre 2017 e 2023, atuava como intermediária no repasse de verbas públicas para grupos folclóricos.

O MP pede a extinção da entidade, destacando a falta de prestação de contas e a prescindibilidade de sua existência. A Liga representa diversos grupos folclóricos que participam do Festival Folclórico do Amazonas.

A promotora de Justiça Kátia Maria Araújo de Oliveira pediu ao juiz que consultasse o TCE-AM sobre a situação da Liga em relação às contas públicas. O juiz questionou se a Liga e seus dirigentes estão em situação regular perante o Tribunal de Contas. As informações foram coletadas e publicadas pelo ATUAL.