Praia da Ponta Negra ganha novas placas de sinalização

0
165
 Prefeitura de Manaus está revitalizando as placas de sinalização e informação na área de areia do balneário na Ponta Negra.
 Prefeitura de Manaus está revitalizando as placas de sinalização e informação na área de areia do balneário na Ponta Negra.

Para manter o bom uso e a segurança dos usuários do complexo turístico Ponta Negra, zona Oeste, a Prefeitura de Manaus está revitalizando as placas de sinalização e informação na área de areia do balneário às margens do rio Negro.

As placas indicam tanto os horários de funcionamento do parque e do acesso ao rio quanto trazem recomendações e proibições para quem desfruta do espaço público com conforto e sem incidentes. As principais informações estão ainda traduzidas para o inglês.

Para a vida ficar melhor na praia, as placas são informativas de proibições e de orientações. É proibido levar garrafas e objetos de vidro; soltar “papagaio” (pipa); assim como é proibido fazer acampamento e levar animais para a areia. Também é proibido o comércio ambulante não autorizado pela prefeitura. E, para a segurança dos banhistas, não é permitido o banho no rio Negro após as 17h, quando se perde mais visibilidade nas águas e não há mais guarda-vidas no complexo.

Uma placa amarela, de atenção, também será instalada para demarcar a área não apropriada ao banho, onde fica um pedral. Nesse local, não há guarda-vidas e nem boias de demarcação em razão de ser um trecho não permitido para se tomar banho.

Proibições

A coordenação do complexo alerta para a segurança e o bom uso das instalações, lembrando os itens proibidos no parque. As garrafas de vidro são proibidas na praia por serem perfurocortantes. A orientação é que o público não leve para o espaço garrafas e objetos de vidro, perfurocortantes ou similares, sob pena de apreensão dos mesmos.

A recomendação é que façam uso de garrafas plásticas. O público é abordado e orientado sobre a apreensão de objetos proibidos. E as medidas de prevenção devem ser individuais, com a colaboração da população. Na praia e no balneário também não é permitido fazer churrasco ou fogueiras.

“Pedimos que os usuários com seus cães de estimação não entrem no rio com os animais. O espaço é público e muitos frequentadores ficam incomodados em tomar banho com cachorros ao lado. A segurança e o bem-estar de todos são nossas maiores preocupações”, afirmou o coordenador da comissão do parque, Alberto Maciel.

As placas informativas têm ainda a recomendação para que a população ajude a cuidar e preservar o espaço público, pedindo para se jogar o lixo, nas lixeiras espalhadas pelo parque; para que atendam aos horários; se hidratem, tomando água; e que o espaço conta com a presença de guarda-vidas durante o período de 9h às 17h, diariamente.

O chefe do Pelotão de Guarda-Vidas, tenente do Corpo de Bombeiros Aluísio Cruz, destaca o cuidado com crianças, para que nunca fiquem sozinhas, nem por um instante. É comum em dias de maior movimento na praia a ocorrência de menores de idade perdidos dos seus pais e responsáveis. A orientação é que se procure imediatamente a Polícia Militar, a Guarda Municipal e membros da comissão do parque, que usam coletes de identificação, para informar o desaparecimento. “Em razão do volume de frequentadores, a responsabilidade deve ser redobrada de pessoas com crianças, para não as perderem de vista”, disse.

Cruz comentou que as orientações do Corpo de Bombeiros são para evitar acidentes e incidentes e que os trabalhadores e usuários possam curtir a praia de forma segura e responsável.

Leia mais:
Ponta Negra terá 1ª Feira de Orgânicos e Agroecológico