Comitê de Segurança Escolar evitou 56 ataques em escolas no AM

0
186
Amazonas apreendeu 68 adolescentes suspeitos de envolvimento em ameaças a unidades de ensino

O Comitê Interinstitucional de Proteção, Monitoramento, Guarda e Segurança Escolar e do Núcleo de Inteligência e Segurança Escolar (Nise), evitou 56 possíveis ocorrências nas escolas do Amazonas.

Além disso, o Núcleo identificou e apreendeu, até a manhã de segunda-feira (17), 68 adolescentes suspeitos de envolvimento em ameaças contra escolas em Manaus e em 13 municípios do interior do estado.

“São adolescentes envolvidos em diversas ocorrências, dentre elas até o porte de arma branca, que está dentro da lei de contravenção penal. E temos também situações mais graves como adolescentes que mantinham perfis em redes sociais onde eles ameaçavam realizar ataques”, disse o delegado Denis Pinho, coordenador do Nise.

Além de Manaus, as ocorrências também foram identificadas nas cidades de:

  • Anamã;
  • Anori;
  • Presidente Figueiredo;
  • Novo Airão;
  • Lábrea;
  • Apuí;
  • Maués;
  • Iranduba;
  • Itapiranga;
  • Benjamin Constant;
  • São Gabriel da Cachoeira;
  • Parintins;
  • Rio Preto da Eva.

“Identificamos também adolescentes fazendo esse tipo de ameaças em outros estados, como no Ceará e no Pará. A maioria deles foi colocada em liberdade, mas com encaminhamento devido para acompanhamento profissional, por meio de uma equipe multidisciplinar”, acrescentou o delegado.

O balanço das ações do Nise, instituído há uma semana pelo Governo do Amazonas, foi apresentado no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC).