‘Sentado’, Amazonino lança candidatura ao governo do Amazonas

0
150
A federação partidária PSDB-Cidadania oficializou a chapa majoritária para as eleições gerais marcadas para mês de outubro.
Foto: Ronaldo Siqueira
Ex-governador vai concorrer ao lado de Humberto Michiles (vice) e do ex-prefeito Arthur Neto, candidato ao senado

A federação partidária PSDB-Cidadania oficializou a chapa majoritária para as eleições gerais marcadas para mês de outubro.

O ex-governador Amazonino Mendes concorrerá a um quarto mandato no executivo estadual junto do ex-deputado estadual Humberto Michiles, anunciado candidato a vice, e Artur Neto, candidato ao senado. A empresária do ramo de educação, Maria do Carmo Seffair, é a candidata a suplente de Arthur Neto.

Sentado

A convenção bipartidária lotou a quadra da escola de samba Sem Compromisso, no bairro cidade nova, zona norte de Manaus.

No discurso, Amazonino atacou diretamente o governador  Wilson Lima, seu principal concorrente nas urnas. “Agora que sou candidato, oficializado, eu posso falar de acordo com a lei eleitoral”, disse Amazonino que, aos 82 anos, com a saúde debilitada, não aguentou falar em pé mais do que cinco minutos e terminou sua fala sentado.

Áreas de ataque

O ex-governador escolheu áreas estratégicas para criticar o seu principal adversário nas eleições de outubro. Ele citou muito a Saúde, começando pela pandemia.

“Quero me solidarizar com as milhares de pessoas que perderam entes durante a pandemia. Pela sua inércia, sua incompetência e sua irresponsabilidade, (Wilson Lima) foi o responsável pelo enlutamento de milhares de famílias de nosso povo”, disse Amazonino.

Amazonino também disse que vai reforçar a saúde bucal das crianças, voltar com o projeto “Carreta da Mulher”, de quando foi prefeito de Manaus pela terceira vez (2009-2012)

As críticas continuaram pelo lado social. Segurando o cartão de auxílio emergencial, oferecido pelo Governo do Estado, Mendes disse que os R$ 150 a que dão direito o programa são uma tentativa de “comprar o povo”.

“Ele (Wilson Lima) usa para tapar o buraco do dente quando come”, disse Amazonino. E aproveitou para fazer uma promessa de um eventual quarto mandato de governador. “Esse cartão eu vou rasgar pra ti dar outro que seja decente e seja digno. O outro cartão que eu vou lhes dar é no mínimo três vezes mais”, completou.

O candidato também falou em segurança, citando que vai melhorar a estrutura da Polícia. Disse que vai gerar emprego e renda.

Candidatos

O palco da convenção estava repleto de candidatos, mas Amazonino citou alguns. Além de elogiar publicamente o seu vice, Humberto Michiles, e o candidato Arthur Neto, Amazonino citou publicamente o vereador Amon Mandel, o apresentador do boi Garantido, Israel Paulain, e o médico Raymisson Monteiro, três dos dez candidatos a deputado federal da federação partidária.

Calendário Eleitoral

Segundo o Calendário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), as federações partidárias têm até o dia 5 de agosto para realizar as respectivas convenções https://www.tse.jus.br/eleicoes/calendario-eleitoral/calendario-eleitoral

Leia mais:
Amazonino pode ter o próprio filho como candidato a vice-governador
Vídeos expõem estado de saúde de Amazonino Mendes
Nova pesquisa indica crescimento de Wilson e queda de Amazonino

Mais informações.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui