Doença da urina preta volta a causar morte após consumo de peixe

0
129
Pacientes apresentaram sintomas como dor muscular intensa, abdominal e urina escura após o consumo de pacu. Um paciente morreu
Foto: Divulgação
Pacientes apresentaram sintomas como dor muscular intensa, abdominal e urina escura após o consumo de pacu. Um paciente morreu

A doença da urina preta (doença de Haff) é investigada pela Secretaria de Saúde do Pará. É que um dos pacientes, que tinha outras comorbidades, morreu.

Além disso, os outros três estão sendo acompanhados. Em 2021, o estado registrou 25 casos confirmados da doença. Como informa o Uol.

Desta vez os registros dos casos foram na zona rural de Óbidos. Os pacientes apresentaram sintomas como dor muscular intensa, abdominal e urina escura após o consumo de peixe.

Por exemplo da espécie pacu, que é típico da região.

Por isso, a Vigilância Epidemiológica do município está fazendo análise de amostras do pescado.

Dessa maneira, a orientação aos moradores da região é evitar o consumo de pescados como pirapitinga (Piaractus brachypomus), tambaqui (Colossoma macropomum) e pacu (Piaractus mesopotamicus).

Leia mais:
Peixe de gelo não causa ‘doença da urina preta’, afirma veterinário
FVS confirma morte por doença da ‘urina preta’ em Itacoatiara
Rabdomiólise: Infectologista não recomenda suspensão do consumo de peixe

Mais informações.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui