Aprovada ampliação da margem de crédito consignado para aposentados

0
357
Proposta amplia margem de empréstimo consignado para aposentados
Senador Plínio Valério é o relator da MP

Com a relatoria do senador amazonense Plínio Valério (PSDB), o Senado Federal aprovou nesta quarta-feira (10) a Medida Provisória (MP 1006/20), que amplia a margem de empréstimo consignado para aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A ampliação do crédito passa de 35% para 40% do valor do benefício e valerá até 31 de dezembro de 2021.

Nas redes sociais, o Senador Plínio Valério comemorou a aprovação e disse que apesar de “longe do ideal, está próximo do desejável para aposentados e pensionistas do INSS”.

Dos 40% previstos na Medida Provisória, 5% são destinados exclusivamente para amortização de despesas contraídas por meio de cartão de crédito ou utilização com finalidade de saque por meio do cartão de crédito. A MP perderia a validade nesta quinta-feira (11) caso não tivesse sido votada. Agora ela segue para sanção presidencial.

“Me preocupa o endividamento de aposentados e pensionistas. Mas nesse momento trágico de desemprego, o aumento do limite do crédito consignado com juros controlados na pandemia, pode ser um respiro aos muitos que são provedores em suas famílias”, argumentou Plínio.

A MP veda novas contratações com o percentual de 40% a partir de 1º de janeiro de 2022. No entanto, ficam mantidos esses percentuais de desconto para as operações já contratadas.

Leia mais:
Projeto para desburocratizar acesso ao crédito rural é aprovado
Proposta prevê reserva de vagas para mulheres no Legislativo
Explicando | A decisão que anulou as condenações de Lula

Por Cíntia Ferreira, do Portal Projeta
*Com informações da Agência Senado

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui