Senador do AM propõe punição severa para quem furar fila

0
150
O senador Plínio Valério, apresentou um projeto de lei determinando punição severa para quem “furar fila” de vacinação contra a Covid-19.
Foto: Divulgação

O senador do Amazonas pelo PSDB, Plínio Valério, apresentou um projeto de lei determinando punição severa para quem “furar fila” de vacinação contra a Covid-19. A proposta ocorre após denúncias de fraude na destinação de vacinas com a imunização de duas médicas da família Lins, no Estado.

O senador afirmou que deu entrada nesta quinta-feira, 21, no Senado Federal.

O PL determina punição para quem furar fila, “mediante a tipificação de delito próximo ao de corrupção passiva”; aumento de punição para o furador que ousar se aproveitar de condição pessoal, como, por exemplo, detentores de mandato eletivo ou de exercício de abuso de autoridade.

O projeto determina, ainda, pena maior ao agente público que compactuar com a prática.

Segundo o plano de vacinação, profissionais da saúde que atuam na linha de frente fazem parte do grupo prioritário. Uma das médicas vacinadas, no entanto, foi nomeada um dia antes de ser vacina.

O Ministério Público Federal (MPF), no Amazonas, também ingressou com ação para investigar possível fraude na destinação das vacinas.

Leia mais:
Prefeito de Itacoatiara declara calamidade pública por 180 dias
Vacina: Caminhoneiros e motoristas de ônibus viram prioridade
Vacinação de profissionais da saúde será suspensa temporariamente

Informações.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui