David: ‘Seremos implacáveis com o desperdício e o mau serviço público’

0
117
O novo prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), afirmou que será “implacável” com o desperdício e o serviço público de má qualidade.
Prefeito David Almeida em discurso de posse na CMM (Foto: Reprodução)

O novo prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), afirmou que será “implacável” com o desperdício e o serviço público de má qualidade. “Seremos implacáveis com os nossos inimigos e adversários que são o mau serviço público, a falta de atendimento na saúde, na educação, o transporte coletivo de péssima qualidade”, disse, ao tomar posse na tarde desta sexta-feira, 1º, em solenidade na Câmara Municipal de Manaus.

Antes, os 41 vereadores eleitos no pleito de 2020 também foram empossados. David Almeida venceu Amazonino Mendes no segundo turno e obteve 466.970 votos (51,27%) contra 443.747 votos (48,73%) de Mendes (Podemos).

Em discurso, David Almeida afirmou que instituirá metas e cobrará resultados contra a ineficiência do serviço público. Segundo o novo prefeito, será necessário maior controle de gastos, pois houve redução significativa no orçamento.

“Vamos receber a cidade de Manaus com um orçamento que alguns dos senhores aprovaram aqui R$ 600 milhões menor para 2021 que o orçamento executado em 2019. Seremos implacáveis com o desperdício, seremos implacáveis com os gastos supérfluos. Nós temos a obrigação de com esse orçamento fazer mais com menos, buscar soluções aos problemas da cidade de Manaus”, afirmou.

David defendeu a adoção de instrumentos comuns na iniciativa privada, como a fiscalização mais dura, para garantir qualidade nos serviços públicos.

“Nós precisamos trazer para o serviço público as ações de governança da iniciativa privada, no que se refere à gestão, eficiência, metas, fiscalização. Por que os serviços terceirizados na iniciativa privada funcionam e no poder público não funcionam? É porque faltam mecanismos de gestão, de cobrança para que esses serviços sejam eficientes”, afirmou.

De acordo com o prefeito, essa deficiência é a causa de outros problemas sociais. “Sou fruto de políticas públicas de juventude, esporte e lazer na comunidade. Hoje, infelizmente, a nossa juventude está sendo cooptada para o mau caminho. Porque políticas públicas que eram para ser implementadas em ações governamentais, a nível municipal, estadual e federal, não foram feitas”, disse.

A solenidade, que tradicionalmente ocorre no Teatro Amazonas, foi transferida para o Plenário Adriano Jorge da CMM com acesso restrito aos empossados, que puderam levar apenas um convidado, como forma de prevenção à Covid-19.

Leia mais:
David inicia mandato limpando cidade do lixo que ficou de 2020
David interdita viaduto inaugurado por Arthur Neto na Zona Norte
David escolhe professor Guedelha como subsecretário de Gestão da Semed

Informações.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui