Amazonino deixa de usar slogan “o pai tá on”

0
189
Amazonino muda discurso e deixa de usar slogan “o pai tá on”
Amazonino muda discurso e deixa de usar slogan “o pai tá on”

Amazonino muda discurso e deixa de usar slogan “o pai tá on”
No primeiro dia de propaganda eleitoral para o segundo turno das eleições de 2020, o candidato Amazonino Mendes (Podemos) usou um tom mais agressivo, criticando seus adversários, e mudando o seu slogan de campanha. Antes, o ex-prefeito usava a frase “o pai tá on”, como forma de demonstrar a sua presença e reforçar a ideia de presença via on-line (por video conferência) que ele adotou no primeiro turno.

O candidato agora adotou o bordão “o verdadeiro candidato do povo”, partindo para a desconstrução do adversário, David Almeida (Avante), que até o momento lidera as pesquisas eleitorais para o segundo turno.

Na noite desta quinta-feira (19), David Almeida participou sozinho de uma entrevista à Band Amazonas, após Amazonino desistir de participar do debate, alegando já ter compromissos pré-estabelecidos. Na ocasião, David disse que a ausência do ex-prefeito é uma estratégia de marketing e ele demonstra não ter capacidade para estar à frente da Prefeitura. “É uma estratégica de marketing da equipe do Amazonino, para que ele possa ser escondido. Porque a cada aparição ele demonstra que é hora de parar. Que o momento de ele parar chegou. Ele já não tem mais a capacidade de outrora”, frisou.

Propaganda eleitoral

O horário eleitoral gratuito na TV e rádio para o segundo turno das eleições tem início nesta sexta-feira (20) e vai até o próximo dia 27. Nesta etapa, os dois blocos fixos para a propaganda eleitoral, de 10 minutos cada, serão divididos igualmente entre os candidatos ao cargo de prefeito. No rádio, a propaganda será das 7h às 7h10 e das 12h às 12h10. Já na TV, o horário eleitoral será das 13h às 13h10 e das 20h30 às 20h40.

Leia mais:
Band entrevista David Almeida na ausência de Amazonino Mendes
David tem vantagem de 14 pontos sobre Amazonino, diz pesquisa
Amazonino desiste de ir ao debate e Band ironiza: “tá off”

Por Cíntia Ferreira, do Portal Projeta

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui