Susam inicia ações pela Semana Mundial de Amamentação

0
97
FOTOS: Rodrigo Santos/Susam e Divulgação

A Secretaria de Estado de Saúde (Susam) realiza, de 3 a 7 de agosto, uma série de atividades em alusão à Semana Mundial de Amamentação. Serão palestras e seminários on-line, além de ações nas maternidades e Bancos de Leite Humano (BLHs) do Estado. A Semana Mundial de Aleitamento Materno em 2020 tem como tema “Apoiar a amamentação para um planeta mais saudável”, e é organizada na Susam pela Coordenação Estadual de Saúde da Criança.

A abertura da semana acontece na segunda-feira (03/08), a partir das 9h, no Centro de Mídias da Secretaria de Estado de Educação e Desporto, com a presença do secretário interino de Saúde, Marcellus Campêlo.

Durante o primeiro dia, a enfermeira neonatal e coordenadora estadual da saúde da criança, Rhamilly Amud Karan, apresentará a palestra “Amamentação e sustentabilidade para um planeta saudável”.

“A semana mundial de 2020 se concentra no impacto da alimentação infantil no meio ambiente, nas mudanças climáticas e na necessidade urgente de proteger, promover e apoiar o aleitamento materno para a saúde do planeta e também do povo, então vamos apresentar o quanto a amamentação é um excelente exemplo das profundas conexões entre a saúde humana e os ecossistemas”, explicou.

Ações – A programação da Semana Mundial de Amamentação faz parte das ações do Agosto Dourado, mês de incentivo ao ato de amamentar, instituído pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

Entre as ações, já teve início e está em andamento a campanha “Doe um Frasco de Amor”, que tem como objetivo a coleta de potes para o armazenamento do leite doado aos BLHs.

O leite materno é um alimento natural e renovável, ambientalmente seguro e ecológico, porque é produzido e entregue ao consumidor com o mínimo de poluição, embalagem ou desperdício.

Já os eventos on-line, acontecerão durante toda a semana, das 9h às 11h, também no Centro de Mídias, e serão transmitidos pelo Youtube da Susam e aplicativos Mano e Zoom.

A programação também contará com ações de conscientização sobre a importância do ato de amamentar nas maternidades da rede estadual de saúde e nos BLHs do Estado.

Alimento completo – O leite materno é um alimento completo, que apresenta fácil digestão e contém os nutrientes e a quantidade de água necessária ao bebê, além de fornecer anticorpos, favorecendo a imunidade. O Ministério da Saúde defende que o bebê seja alimentado apenas do leite materno nos seus seis primeiros meses de vida.

O alimento é o único alimento que fornece nutrientes importantes para o desenvolvimento cerebral, que combate infecções, protege a criança contra bactérias e vírus e evita diarreias. Ainda segundo o Ministério da Saúde, o recém-nascido alimentado apenas com o leite materno tende a se recuperar de doenças com mais facilidade.

Histórico – A Semana Mundial do Aleitamento Materno começou a ser elaborada em 1991, como uma estratégia global para promover a importância da amamentação, sob a coordenação da Organização Mundial da Saúde (OMS) e Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), em parceria com Organizações Não Governamentais (ONGs).

No Brasil, a campanha é realizada pelo Ministério da Saúde desde 2012, sempre na primeira semana de agosto, com a participação das secretarias estaduais e municipais, bancos de leite humano e demais parceiros. A partir de 2017, o mês de agosto foi definido como o mês de aleitamento materno, após o Congresso Nacional sancionar a Lei nº 13.435, instituindo o Agosto Dourado.

 

PROGRAMAÇÃO

Dia 3 de agosto

• Abertura

Mesa de Abertura: Marcellus José Barroso  Campêlo, secretário interino de Saúde; Cássio Roberto do Espírito Santo, secretário executivo adjunto de Atenção Especializada do Interior; Débora Nandja Madeira, chefe de escritório da Unicef em Manaus; Drª Rossyclei Pinheiro, da Sociedade Amazonense de Pediatria; Janine Selva Ginani, da Coordenação de Saúde da Criança e Aleitamento Materno do Ministério da Saúde; e Rhamilly Amud Karam, coordenadora estadual da Saúde da Criança e mediadora da mesa

Tempo: 30 minutos

• Palestra: Amamentação e sustentabilidade para um planeta saudável

Palestrante:  Rhamilly Amud Karam, coordenadora estadual da Saúde da Criança

Tempo: 30 minutos

Dia 4 de agosto

• Seminário: Atenção à saúde e nutrição na resposta humanitária

Palestrante: Antônio Carlos Cabral, especialista em Saúde e HIV da Unicef

Tempo: 30 minutos

• Seminário: Crianças refugiadas: Como podemos protegê-las

Palestrante:   Katherine Benevides, psicóloga clínica e assessora materno-infantil

Tempo: 30 minutos

• Seminário: A importância do acompanhamento do recém-nascido de baixo peso e amamentação

Palestrante: Brisa Rêgo Rocha, pediatra neonatologista e consultora em Lactação da International Board of Lactation Consultant Examiners (IBCLC)

Tempo: 30 minutos

Dia 5 de agosto

• Seminário: Alimentação complementar após a amamentação exclusiva

Mediadora:  Joselina Castro, nutricionista e oordenadora de Alimentação e Nutrição da Susam

Tempo: 2 horas

• Seminário: Importância da introdução de alimentos na primeira infância 

Palestrante:  Gisele Ane Bortolini, coordenadora-geral de Alimentação e Nutrição do Ministério da Saúde (CGAN-MS)

• Seminário: Comportamento alimentar X qualidade de vida na infância

Palestrante: Maely Nunes, psicóloga, facilitadora da Estratégia Amamenta e Alimenta Brasil (Eaab) e membro da Rede Internacional em Defesa do Direito de Amamentar (IBFAN)

• Seminário: Manipulação e higiene dos alimentos no contexto atual

Palestrante: Tânia Batista, nutricionista e coordenadora de Nutrição da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa Manaus)

Dia 6 de agosto

• Seminário com Bancos de Leite Humano

• Bate-papo com as Coordenadoras dos Bancos de Leite Humano

• Apresentação dos Bancos de Leite Humano

• Apresentação do Caminho do Leite Humano e os cuidados com suas etapas

• Amamentação nos tempos de Covid e seus cuidados

• Banco de Leite Fezinha Anzoategui (Maternidade Balbina Mestrinho), com a enfermeira Tânia Ramires Gondim

• Banco de Leite da Galiléia (Maternidade Azilda Marreiro), com a enfermeira Ana Hilda Menezes Brito

• Banco de Leite Humano do Amazonas (Maternidade Ana Braga), com a enfermeira Maria Elizabeth Hardman

• Palestra: Apoio à mulher na amamentação para um planeta saudável

Palestrante:  Adalberto Taketomi, enfermeiro, especialista em Saúde da Mulher, apoio técnico à Coordenação Estadual da Saúde da Mulher

Tempo: 15 minutos

• Palestra: Proteção legal do Aleitamento Materno

Palestrante: Ivone Amazonas, enfermeira obstetra, representante do IBFAN Brasil e presidente do Associação Brasileira de Obstetrizes e Enfermeiros Obstetras (Abenfo) no Amazonas

Tempo: 15 minutos

Dia 7 de agosto

• Live: Desafios da Amamentação e Alimentação Saudável no contexto atual

Com Rhamilly Amud Karam e Joselina Castro

Leia mais:
Bolsonaro veta projeto que dava preferência às mães no pagamento do benefício
Mães com coronavírus podem amamentar, diz OMS
Mães menores de idade já podem pedir auxílio emergencial

Com informações da Secom*

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui