Sul do AM concentra 95% do total de desmatamento registrado em 2020

0
147
Foto: Ricardo Moraes/Reuters/Arquivo

Mais de 95% da área desmatada no Amazonas neste ano está localizada na região sul do estado, sendo que 81% corresponde a áreas federais, segundo informou o governo estadual. A área será a primeira a receber ações de combate a atividades ilegais, que buscam reduzir os índices em, pelo menos, 15% em relação a 2019. O Governo do Amazonas apresentou, nesta sexta-feira (5), o Plano de Prevenção e Controle do Desmatamento e Queimadas do Amazonas (PPCDQ-AM).

Entre janeiro e abril deste ano, cerca de 183,498 km² foram desmatados no Amazonas, segundo dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). O aumento foi de 61,54% em comparação ao mesmo período do ano passado, quando o desmatamento na região atingiu 113,89 km².

As queimadas também aumentaram. Até o mês de abril, o banco de dados do Inpe registrou 360 focos em todo o Amazonas, contra 250 no mesmo período do ano passado. Segundo o secretário estadual do Meio Ambiente, Rodrigo Taveira, os alertas de desmatamento do Deter, levantamento rápido de alertas de evidências de alteração da cobertura florestal na Amazônia, feito pelo Inpe, não são oficiais para definir o desmatamento, mas sim para que o estado possa montar ações de fiscalização e operação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui