Presença no interior e protagonismo feminino são destaques no Festival Amazonas de Ópera

31
Crédito: Michel Dantas

O 22º Festival Amazonas de Ópera (FAO) tem duas novidades esta semana: a estreia de “Mulheres da Ópera” e a apresentação, no interior, do projeto “Ópera Mirim”. Além disso, tem a reapresentação de “Tosca”, de Giacomo Puccini, no Teatro Amazonas.

O FAO é realizado pelo Governo do Amazonas e teve sua abertura no dia 26 de abril seguindo com apresentações de ópera, recitais e concertos até 30 de maio.

Na sexta-feira (17), “Mulheres da Ópera” faz sua estreia, com apresentação gratuita no Centro Cultural Palácio Rio Negro (avenida Sete de Setembro, 1.546, Centro, zona sul), às 16h. No sábado (18), às 19h, o espetáculo será exibido no Shopping Ponta Negra (avenida Coronel Teixeira, nº 5.705, Ponta Negra, zona oeste).

Em “Mulheres da Ópera”, as sopranos Carol Martins, Elane Monteiro, Mirian Abad e Raquel de Queiroz, e as mezzo-sopranos Kelly Fernandes e Yana Stravaganzzi, cantoras dos Corpos Artísticos do Estado, interpretam trechos de óperas que retratam personagens femininos emblemáticos, seja pela força, atitude ou pela beleza, em obras trágicas ou cômicas.

Uma das obras mais famosas do repertório operístico, “Carmen”, de Bizet, está presente no “Mulheres da Ópera”, com a ária “Chanson Bohème”. Outro destaque do programa é a “Cavalgada das Valquírias”, trecho da ópera “Die Walküre” (A Valquíria), de Richard Wagner. E a ária “O mio babbino caro”, de “Gianni Schicchi” (Giacomo Puccini), assim como “È un anatema”, de “La Gioconda” (Amilcare Ponchielli).

“Mulheres da Ópera” reúne música, poesia e lirismo. O espetáculo também será apresentado na Fundação Bradesco (22/05, às 9h30 e às 15h30), na Fundação Cecon (25/05, às 10h) e na Fundação Doutor Thomas (27/05, às 10h).

Ações no interior

O projeto “Ópera Mirim” estreia no interior, nesta semana, com apresentações em Santa Isabel do Rio Negro, nesta sexta-feira (17), e em Benjamin Constant, sábado (18), ambos às 18h.

O projeto apresenta “L’enfant et les Sortilèges” (“O Menino e os Sortilégios”), de Maurice Ravel, em teatro de marionetes, feito pelos artistas do Pequeno Teatro do Mundo. O espetáculo já foi apresentado na Casa Vhida, nos hospitais infantis Dr. Fajardo e Joãozinho e no hall do Teatro Amazonas.

Tosca

A ópera “Tosca”, que estreou no último sábado (11), volta a ser apresentada no Teatro Amazonas, nesta sexta-feira (17), às 20h, e no domingo (19), às 19h.

Clássico do repertório operístico mundial, “Tosca”, de Giacomo Puccini, narra a história da cantora Floria Tosca (Daniella Carvalho), que é apaixonada pelo pintor Mario (Fernando Portari) e sente ciúmes do amado, ao imaginar que ele tem uma amante. Na verdade, ele esconde Angelotti (Fred Oliveira), que está sendo procurado pela polícia. Até que o chefe de polícia Scarpia (Rodrigo Esteves), que deseja Tosca, prende Mario.

Em uma das cenas mais dramáticas, que inclui tortura e violência sexual, Scarpia promete salvar Mario da sentença de morte, em troca de uma noite com Tosca. Ela finge aceitar, mas o apunhala. A partir daí uma há uma sucessão de tragédias que prende a atenção do público até o final do espetáculo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui