Documentário sobre Wallace Souza estreia em maio na Netflix

291

O documentário sobre o ex-deputado estadual Wallace Souza será disponibilizado na plataforma de filmes Netflix no dia 31 de maio. Intitulada “Killer Ratings”, a série documental vai se chamar “Bandidos na TV” em português.

Souza foi cassado no final de 2009 e expulso do PP depois de ser acusado pela Polícia Civil de mandar matar traficantes de drogas para aumentar a audiência de seu programa de TV.

Desde 9 de outubro de 2010, Souza estava preso por suspeita de ligações com crimes, incluindo formação de quadrilha, tráfico de drogas e homicídio.

No final de 2008, começaram a surgir as primeiras suspeitas de envolvimento do então deputado estadual com o crime organizado. O ex-policial militar Moacir Jorge Pereira da Costa, o Moa, denunciou a existência de uma quadrilha comendada por Wallace Souza e seu filho, Raphael Souza, também preso.

A quadrilha estaria envolvida na morte de traficantes e as ordens para as execuções, segundo denúncia do Ministério Público (MPE), tinham anuência do parlamentar. Durante as investigações, testemunhas afirmaram à polícia que Souza não apenas sabia quem seria morto, como enviava equipes de seu programa de TV para “cobrir” os assassinatos.

Para a polícia, Souza se beneficiava duplamente das mortes: aumentava a audiência de seu programa de TV e eliminava inimigos na disputada pelo controle do tráfico de drogas em Manaus.

O ex-deputado morreu no dia 27 de julho, vítima de uma parada cardíaca. Wallace sofria de ascite refratária – acúmulo de líquido no interior do abdômen. À época, a defesa do ex-parlamentar chegou a dizer que a morte se tratou de um assassinato, visto que a cassação, a prisão “arbitrária” e as ações desenvolvidas pelo MP foram determinantes para o agravamento do seu estado de saúde.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui