Contagem manual de votos deixou 267 mortos na Indonésia

0
112

O governo da Indonésia informou 267 mortes e 1.878 funcionários com doenças de trabalho geradas, principalmente, por exaustão por conta da contagem de votos das eleições do último dia 17.

O país utiliza cédulas de papel no processo de eleições.

A contagem continua e o resultado deve sair no dia 22 de maio. O país asiático tem 260 milhões de habitantes.

Aproximadamente 7 milhões de pessoas estão envolvidas na contagem e monitoramento da votação. Foram mais de 800 milhões de seções para depositar as cédulas pelo país.

Na contratação dos funcionários encarregados para a contagem não havia exame de saúde, segundo informa o site britânico BBC.

Corte de Gastos

Na intenção de deixar a eleição mais barata o governo da Indonésia resolveu unificar eleições regionais e nacionais.

Durante 6 horas os eleitores do país decidiam por presidente e parlamentares de seu país, estado e cidade.

Indenização

A comissão eleitoral da Indonésia planeja compensar as famílias sobreviventes em 36 milhões de rupias (cerca de US$ 2.500) por cada trabalhador morto. A cifra é equivalente a um ano de salário mínimo, segundo o Nikkei Asian Review.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui