Deputados exigem volta de projeto retirado por Bolsonaro para criação universidades federais no AM

0
72
Therezinha Ruiz criticou medida nesta terça (19), durante sessão plenária

O presidente Jair Bolsonaro retirou de tramitação de um Projeto de Lei que cria duas universidades no interior do Amazonas, além de novos Institutos Federais de Educação. A medida foi fortemente criticada na Assembleia Legislativa (Aleam), por não levar em consideração as carências do ensino nos municípios distantes do estado.

O despacho presidencial tira da pauta da Câmara Federal a criação da Universidade Federal do Médio e Baixo Amazonas, com reitoria em Parintins; da Universidade Federal do Médio e Alto Solimões, em Coari e de institutos federais.

O PL 11279/2019 resultaria no desmembramento da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), com o objetivo de suprir as demandas por cursos superiores no interior. Entretanto, nada disso foi levado em conta, segundo deputados estaduais.

Therezinha Ruiz criticou medida nesta terça (19), durante sessão plenária (Foto: Divulgação)

A deputada professora Therezinha Ruiz (PSDB), que preside a Comissão de Educação da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), criticou duramente a atitude do Governo Federal. Ela disse que a medida foi uma “punhalada”, impedindo que jovens de municípios mais isolados tenham acesso ao ensino superior.

Sinésio Campos (PT), vice-presidente da Comissão de Educação, disse que não investir em novas escolas técnicas e universidades para o povo do interior amazonense é “pensar pequeno”.

Sinésio Campos (PT) propôs união de deputados do AM e da bancada em Brasília (Foto: Divulgação)

O político frisou que muitos jovens precisam se deslocar para a capital Manaus para dar continuidade aos estudos. Nesse sentido, Campos afirma que a atitude de Bolsonaro, em negar aos estudantes do interior acesso mais fácil aos estudos, mostra “falta de visão de olhar a Amazônia como fonte de investimentos”.

“Estou indignado, porque como professor, como educador, eu não consigo entender um governo que não investe em educação”, declarou.

O deputado Saullo Vianna (PPS) usou a tribuna da Aleam, na terça-feira (19), para anunciar que apresentou Projeto de Resolução Legislativa junto à Mesa Diretora pedindo a instalação de uma Frente Parlamentar, com a finalidade de defender a criação das duas universidades no interior do Estado.

Saullo Viana propôs uma Frente Parlamentar para cuidar do assunto (Foto: Divulgação)

Para ele, é fundamental a união de todos os deputados estaduais junto à bancada federal em Brasília a fim de que o projeto volte à pauta e seja aprovado.

“Não podemos aceitar essa decisão. O Amazonas é um estado de dimensões continentais e tem apenas uma Universidade Federal, ficando atrás do estado vizinho Pará, que tem quatro universidades federais. Amazonenses que moram no interior querem ter a oportunidade de cursar uma universidade federal na sua cidade e depois, aplicar o conhecimento sem ter necessidade de se mudar para capital”, frisou.

Therezinha Ruiz conclamou o Governo do Estado, a Aleam e a bancada federal do Amazonas no Congresso Nacional a  se mobilizarem para procurar reverter a decisão que cancelou a tramitação do projeto na Câmara dos Deputados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui